Vida Plena Cotia - Justiça manda construtora pagar aluguel por atraso na entrega

Em decisão proferida em 13/08/13, um casal de consumidores, adquirentes do Empreendimento da TRISUL, denominado "Vida Plena Cotia", obtiveram na justiça o direito ao recebimento de um auxílio no valor de R$1.200,00 mensais, a fim de que possam residir em uma moradia decente até o sentenciamento do processo.

Essa decisão foi obtida por meio de uma liminar, pleiteada pelo advogado dos consumidores, Dr. Vinícius March, atuante na área de Direito do Consumidor e Direito Imobiliário.

Veja abaixo íntegra da decisão:

Processo:
1055208-89.2013.8.26.0100
Classe:
Procedimento Ordinário
Área: Cível
Assunto:
Perdas e Danos
Outros assuntos:
Indenização por Dano Material,Interpretação / Revisão de Contrato,Oferta e Publicidade,Vendas casadas
Distribuição:
Livre - 07/08/2013 às 19:08
10ª Vara Cível - Foro Central Cível
Valor da ação:
R$ 5.987.444,00
Exibindo todas as partes.   >>Exibir somente as partes principais.
Partes do Processo
Reqte: D. C. J.
Advogado: Vinicius March 
Reqte: E. A. S. J.
Advogado: Vinicius March 
Reqdo: TRISUL VENDAS CONSULTORIA EM IMOVEIS LTDA.
Reqdo: ABRUZO EMPREENDIMENTOS IMOBILIARIOS LTDA.
Exibindo todas as movimentações.   >>Listar somente as 5 últimas.
Movimentações
Data Movimento
13/08/2013Decisão Proferida 
Vistos. Concedo aos autores os benefícios da Justiça Gratuita. Uma vez expirado o prazo para entrega do imóvel, bem como comprovada a situação precária de residência do autor, defiro a liminar, determinando à ré ABRUZO que deposite nos autos, todo o dia 10 de cada mês, até o sentenciamento do feito, o valor de R$1200,00, quantia esta que será utilizada pelos autores para custeio de moradia decente enquanto não entregue o imóvel adquirido. Prossiga-se com a citação. Intime-se.








Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Notre Dame é condenada em R$150 mil por erro médico que causou morte

ADVOGADO DIVÓRCIO EM SP

FUI DEMITIDO POR CAUSA DO CORONAVÍRUS, E AGORA?